Imagem Terminais de Rótula
Terminais
de Rótula
Terminais de Rótula livres de manutenção são compostos por uma cabeça de biela e uma

rótula

.

A cabeça de biela tem uma rosca interna ou uma externa. A rótula está fixada com o componente do mancal. O revestimento de zinco protege as cabeças contra a corrosão.

As cabeças de

rótulas

, dos terminais rotulares, absorvem forças radiais na direção de estiramento e aperto. Elas são adequadas para movimentos lentos em ângulos pequenos e médios, para cargas unilaterais e para cargas oscilantes.

Cabeças de rótula vedadas possuem vedações dos dois lados e estão protegidas contra sujeira e água de pulverização.

As cabeças de rótulas, dos terminais rotulares, conforme a DIN ISO 12 240-4, série E possuem rótulas radiais GE..-UK ou GE..-UK-2RS com emparelhamento deslizante de cromo PTFE - ou cromo ELGOGLIDE® e roscas internas ou externas para a esquerda ou direita. Elas são adequadas para construções compactas devido a sua espessura fina.

As cabeças de rótula conforme a DIN ISO 12 240-4 série K possuem rótulas radiais GE..-PW com emparelhamento deslizante de folha de aço PTFE e roscas internas e externas para a esquerda ou direita.

Terminais de rótulas que necessitam de manutenção são compostas por uma cabeça de biela com rótula que necessita obrigatoriamente de manutenção. A cabeça de biela tem uma rosca interna ou externa. A rótula está fixada como componente do mancal. O revestimento de zinco protege as cabeças contra a corrosão.

As cabeças de rótula absorvem forças radiais na direção de estiramento ou aperto, suportam movimentos e forças de baixo momento, são adequadas para cargas radiais oscilantes e também para cargas unilaterais. É possível fazer construções compactas. Rótulas vedadas são protegidas contra sujeira e água de pulverização.

As cabeças de rótulas, dos terminais rotulares, conforme DIN ISO 12 240-4 série E tem rótula radial GE..-DO ou GE..-DO-2RS com emparelhamento aço/aço, rosca interna ou externa para a direita ou esquera e bocal de lubrificação conforme DIN 71412. Elas podem ser pós-lubrificadas através do bocal ou da perfuração.

As cabeças de rótula conforme a DIN ISO 12 240-4 série K tem uma rosca interna ou externa para a direita ou esquerda e um bocal de lubrificação em forma de funil conforme DIN 3 405.

Terminais de rótula hidráulica são compostas pelas rótulas radiais GE..-LO ou GE..-DO e a cabeça de biela. Elas possuem um emparelhamento aço/aço, absorvem forças radiais na direção de estiramento ou aperto, suportam movimentos e forças com baixo momento e são adequadas para cargas radiais oscilantes. As cabeças podem ser aparafusadas com uma rosca.

As cabeças com terminais circulares possuem um ângulo de solda de 45° e podem ser centralizadas através de um pino de tensionador. Elas são especialmente adequadas para amortecedores. As cabeças de rótulas hidráulicas com corte transversal quadrado são adequadas para bases de cilindros.